Elixir- Hilary Duff

Literatura Publicado em 31/08/2013 por Glizia
Sem Comentários

Livro: Elixir (#1)

Autora: Hilary Duff

Editora: iD

Ano: 2011

Páginas: 280

Com seus dezessete anos, Clea Raymond vem sentindo o brilho dos holofotes desde que nasceu. Filha de um renomado cirurgião e uma importante política, ela se tornou uma talentosa fotojornalista, refugiando-se em um mundo que a permite viajar para diversos lugares exóticos. No entanto, após seu pai ter desaparecido em uma missão humanitária, Clea começa a perceber imagens sinistras e obscuras em suas fotos revelando um belo jovem- um homem que nunca viu antes.

Olá Choconautas!

Hoje vou falar sobre um livro que eu tinha vontade de ler desde que descobri que a Duff tinha publicado, mesmo sem saber qual era a história, e graças a minha irmã estou podendo ler ( Obrigada :3).

O livro conta a história de Clea Raymond, uma fotógrafa de 17 anos que viaja pelo mundo ( com permissão de sua mãe) trabalhando para revistas de moda, jornais e tabloides. Seu pai morreu há mais de um ano e ela não acredita no ocorrido. Para ela, seu pai sumiu, mas não morreu.

Clea conta com a ajuda de seus dois melhores amigos: Rayna, tem a mesma idade que ela e compartilham a mesma data de aniversário; e Ben, um rapaz inteligente que foi pago para proteger a menina, mas que no fundo gosta dela. E falar isso só é spoiler para a Clea.

A menina tira fotos com a amiga em uma viagem em Paris, e quando voltam para casa, Clea percebe que há um rapaz em todas as fotos tiradas por ela. E lendo a orelha do livro você já sabe quem é. Então eu não vou contar aqui. Vá em uma livraria e leia a orelha do livro. E, lendo também a orelha do livro, você já sabe que eles se encontram porque ele sabe do paradeiro do pai dela.

Acontece que eles são almas gêmeas fadadas a viver a mesma rotina. E ele é imortal.

As pessoas passam a vida inteira esperando por isso. É a coisa mais fantástica do mundo e acabou de acontecer com você. Por que você não pode só aceitar e ser feliz com isso? (pág. 193)

Não sei se vocês sabem, mas a saga que eu mais falei no site é uma que aborda o mesmo assunto. Quase da mesma forma, se formos comparar. Os Imortais. A história de Ever Bloom. Mas, ao contrário de Ever, Clea é uma principal que se questiona o tempo todo sobre os perigos que o namorado representa e logo no começo tenta entender o porque dos dois estarem fadados a viverem tragédias. Isso até o 2/3 do livro. Depois pareceu uma fanfic de Os Imortais.

Apesar de ser muito água com açúcar, o livro me prendeu do começo até 2/3 do livro.

Estava emocionante, ação, suspense, o triângulo amoroso. Mas quando eles viajam para finalmente desvendar o mistério parece que o livro desanda. Então me nutri com o pensamento de que o final seria fantástico. Se você quiser mesmo saber o final dessa história, terá que ler a sequência de Elixir: Devoted.

A edição é fantástica! Tanto a tradução Obrigada Otávio Albuquerque! e a revisão obrigada Maristela Carrasco! deixaram o livro muito melhor. Isso é uma coisa que eu vejo muito pouco, uma dedicação da editora com o livro. Parabéns Editora iD!

Sobre a autora: Hilary Duff é atriz, compositora, designer de moda, conhecida por estrelar o seriado da Disney Lizzie McGuire. Escreveu a trilogia Elixir: Elixir, Devoted e True.

Postagens relacionadas:

Já com aquele gostinho da Bienal de São Paulo
Chama Negra- Os Imortais
A Seleção- Kiera Cass
Acho que não consigo mais ler
Resenha | A Agência de Investigações Holísticas Dirk Gently

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Facebook