Depois do Parto, a Dor – Minha experiência com a depressão pós-parto

Literatura Publicado em 01/07/2014 por Flávia Menezes
Sem Comentários

IMG_2946

 

Livro: Depois do Parto, a Dor – Minha experiência com a depressão pós-parto

Autora: Brooke Shields

Editora: Prestígio

 

Era uma vez, uma garotinha que sonhava em ser mamãe. Ela queria, mais do que tudo, ter um filho e sabia que seu sonho um dia se realizaria. Horas a fio, ficava sentada, pensando em um nome para seu bebê. O tempo passou e a garotinha cresceu. Embora tenha encontrado seu príncipe encantado e casado com ele, ela tinha dificuldades em engravidar. Começou a perceber que seu sonho não se tornaria realidade sem uma boa ajuda médica. Então ela saiu numa longa jornada pelo mundo dos tratamentos de fertilidade. Quando nenhum deles funcionou, ficou frustrada e deprimida. Sentiu-se fracassada. Mas um dia, finalmente, ela engravidou. Ficou incrivelmente entusiasmada. Teve uma gravidez excelente e uma filhinha perfeita. Por fim, seu sonho de ser mãe se tornara realidade. Mas em vez de se sentir aliviada e feliz, tudo o que ela fazia era chorar”.

 

Dos anos 80, ainda uma menina aos quinze anos, Brooke Shields marcou o mundo com sua interpretação em A Lagoa Azul, onde duas crianças vítimas de um naufrágio descobrem o amor em uma ilha deserta. No ano seguinte, protagonizou mais um de seus grandes sucessos, Endless Love, cujo remake estreou nos cinemas no Valentine´s Day, em fevereiro nos Estados Unidos, e no Dia dos Namorados, em junho no Brasil, com as interpretações de Alex Pettyfer (ator de Eu Sou o Número Quatro) e Gabriella Wilde.

 

Da atriz famosa (mesmo que muitas vezes injustamente criticada) por seus filmes e seriados à mãe de primeira viagem aos trinta e sete anos, Brooke Shields traz um relato de um dos momentos mais felizes na vida de uma mulher, que acaba por ser tornar um dos períodos mais negros de sua vida.

 

O tema é intenso, mas seu relato é tão doce e tão cheio de cuidado em sua narrativa, que se torna uma leitura prazerosa. Depois do Parto, a Dor é um livro que fala sobre um distúrbio pouco compreendido: a depressão pós-parto. Como psicóloga, acho importante ressaltar a importância da conscientização das mulheres de que ser mãe não é algo natural, mas um aprendizado diário de um novo relacionamento, cheio de surpresas e único.

 

Corajosa, como um grande ícone, seu intuito é grandioso: tornar sua história acessível a todas as pessoas, conscientizando-as de que a depressão pós-parto existe e pode ser tratada.

 

Como fã da atriz e psicóloga, recomendo essa publicação de 2006 a todas as futuras mamães (e papais também!) e a todos que se interessam pela magnitude da complexidade humana.

 

Surpreenda-se. Compreenda-se. E boa leitura!

Postagens relacionadas:

Welcome Home!
Continuação de O Iluminado : Dr. Sleep
Chama Negra- Os Imortais
Bridget Jones e A Hospedeira
Top 5 - Escolha Choconática

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

Facebook